MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Novos MVA’s Disponíveis: Gerenciamento de Infraestrutura de Updates e Proteção de Dados e Servidores para Nuvem Privada

Os dois MVAs que foram disponibilizados hoje tem por objetivo ajudar no uso da suite System Center em dois pontos bem específicos e que muitos sentem dificuldade em utilizar e entender:

  1. Infraestrutura de Updates – Aborda o uso do SCCM como alternativa mais completa que o WSUS em um ambiente gerenciado e como integrar o WSUS ao VMM para aplicar os updates de forma inteligente e escalonada em farm de servidores Hyper-V
  2. Proteção de Dados – Como o DPM pode ser a solução ideal para proteção de ambientes Microsoft, principalmente voltado a Nuvem Privada e infraestrutura de virtualizazação Microsoft

Clique nos prints abaixo para abrir os cursos diretamente no MVA.

Em fase de produção tenho outros MVA’s:

  • Gerenciamento de Infraestrutura de Rede para Nuvem Privada
  • Automatizando processos em Nuvem Privada
  • Gerenciamento de Infraestrutura de Storage para Nuvem Privada

image

 

image

Posted: dez 03 2013, 23:46 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Dell Management Packs para SCOM 2012 R2 Liberados

Monitorar fisicamente servidores, storages e equipamentos físicos é uma premissa e um recurso muito importante para administradores de Datacenter.

Para os que não sabem ou ainda não implementaram a solução do OME (Open Management Essential) integrada com o SCOM leia o artigo que publiquei em http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Monitorando-Storages-EqualLogic-e-Servidores-Dell-com-o-SCOM-2007-R2-e-SCOM-2012-RC.aspx

A boa notícia estão disponíveis os pacotes de monitoração atualizados para funcionarem com o System Center Operations Manager 2012 R2 em: http://en.community.dell.com/techcenter/b/techcenter/archive/2013/11/27/dell-management-packs-now-support-microsoft-system-center-2012-r2.aspx

Se possui servidores Dell, não deixe de implementar a monitoração detalhada de servidores, storages e dispositivos físicos Dell.

Posted: nov 28 2013, 14:47 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Monitorando Storages EqualLogic e Servidores Dell com o SCOM 2007 R2 e SCOM 2012 SP1/R2

Atualização de Management Packs disponivel em http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Management-Packs-para-SCOM-2012-R2-Liberados.aspx

Todos que utilizam o System Center Operations Manager 2007 sabem o quanto é importante conhecer os Management Packs para monitorar detalhes de aplicações, serviços e outros.

Porem, poucos utilizam todo o potencial que os fabricantes disponibilizam por meio dos Management Packs proprietários e hoje irei mostrar uma implementação de SCOM integrado aos equipamentos Dell, servidores e EqualLogic muito interresante.

Ressaltando que os Management Packs do SCOM 2007 são compativeis com o SCOM 2012 atualmente em Release Candidate.

Para download do Server ProPack e do EqualLogic baixe os pacotes a partir do Microsoft Pinpoint nos pacotes da Dell, evitando baixar direto do site ou guardar links, pois são atualizados com frequencia http://pinpoint.microsoft.com/en-US/PartnerDetails.aspx?PartnerId=4295881286&CurrentTab=1

Para os exemplos neste post baixei os pacotes Dell Server Suite, Dell Server Pro e Dell EqualLogic sendo que todos são gratuitos (FREE)

23-12-2011 11-35-54

O próximo passo é fazer o Discovery para encontrar os servidores e para o storage utilizando as configurações padrão do Network Discovery com o IP do portal iSCSI do EqualLogic, que já identificará o modelo bem como algumas informações básicas. A partir dai basta esperar alguns minutos até que o SCOM detecte todas as informações dos servidores e do storage:

23-12-2011 11-36-3323-12-2011 11-30-13

Primeiro é possivel ver as funcionalidades que o Dell Server/PRO permitem monitorar e note no exemplo abaixo que será alertado quando ocorrer alta temperatura do processador, problemas nas fontes redundantes, fans, voltagem e até detalhes especificos como abertura da tampa e problemas com hot spare/discos pelo Healthy Explorer dos servidores:

23-12-2011 11-31-04

Também pelo Healthy Explorer do storage EqualLogic será possivel ter uma ideia das monitorações, que não se limitam a comunicação com o storage mas chega ao nivel de grupos e discos fisicos:

23-12-2011 11-27-24

Mas o mais interessante são, sem dúvida, as views que estes Management Packs. No exemplo abaixo utilizei a Complete Diagram View e o resultado é excelente, onde temos o storage, os grupos, volumes, controladoras e detalhes adicionais:

23-12-2011 11-34-18

Note que ao clicar no disco utilizando o diagrama até o numero de série é possivel de ser visualizado, demonstrando a importância destes recursos para administração destes equipamentos:

23-12-2011 11-35-27

Claro que abordei os equipamentos que trabalho e implemento com frequencia e neste ponto a Dell tem uma parceria muito forte com o time de produtos para desenvolver monitorações eficientes.

Caso utilize produtos de outros fabricantes poderá encontrar informações similares no catálogo do Microsoft PinPoint em http://pinpoint.microsoft.com/en-US/applications/search?q=management%20packs

Posted: nov 28 2013, 13:16 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Novos Ebooks–Windows Server 2012 R2 e SCCM 2012 Field Experience

Estes novos dois ebooks liberados pela Microsoft Press este mês são essenciais para quem quer se aprofundar nas novidades do Windows Server 2012 R2 e utiliza o System Center Configuration Manager 2012.

O primeiro dos livros trata das novidades do Windows Server 2012 R2. Com 242 páginas e escrito por Mitch Tulloch com apoio dos times de produto é muito bom em conteudo e organização:

image

O segundo é um livro de dicas do SCCM 2012 com 92 páginas pelos funcionários de suporte em campo (FTE) da Microsoft e também editado por Mitch Tulloch. O livro tem a divisão por tópicos diversos e não foi criado para ser um auto-estudo, mas sim referencias especificas:

image

Posted: nov 25 2013, 13:48 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

E-book gratuito sobre System Center Orchestrator 2012

Este livro é muito bom, apesar de estar disponivel a alguns dias só hoje tive a oportunidade de ler o conteudo.

E posso dizer que o conteudo é excelente!!!!

http://blogs.msdn.com/b/microsoft_press/archive/2013/09/18/free-ebook-system-center-designing-orchestrator-runbooks.aspx

image

  • Contents
  • Introduction xi
  • Chapter 1 Introducing System Center 2012
  • Chapter 2 System Center Orchestrator
  • Chapter 3 Orchestrator architecture and deployment
  • Chapter 4 Modular runbook design and development
  • Chapter 5 Orchestrator runbook best practices and patterns
  • Chapter 6 Modular runbook example
  • Chapter 7 Calling and executing Orchestrator runbooks
  • Appendix the Windows PowerShell source code for core component
  • Appendix B Steps to set up VMM to Service Manager integration
Posted: set 30 2013, 23:57 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | Software Asset Management (SAM) com System Center Configuration Manager–Além do Inventário (Parte II)
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Software Asset Management (SAM) com System Center Configuration Manager–Além do Inventário (Parte II)

Neste segundo artigo sobre como utilizar o SCCM para falar de SAM (Software Asset Management) vamos falar sobre como ir alem do padrão (default) nos inventários de Software do SCCM.

Para lembrar da nossa pauta e a agenda dos itens, use o link de introdução: http://www.marcelosincic.com.br/post/Software-Asset-Management-(SAM)-com-System-Center-Configuration-Manager.aspx

Regras de Agentes

No SCCM das versões 2012 e posteriores é possível criar regras para grupos de computadores diferenciados. Essas regras diferenciadas são criadas apenas com os itens que se deseja alterar do default e depois se aplica (Deploy) ao grupo de computadores desejado:

capture20160509234302570

capture20160509234341394

Criando uma Regra para Expandir o Inventário para o SAM

A regra para expandir o inventário além do padrão é incluir na regra customizada a parte de Software e Hardware Inventory.

Na configuração de SW Inventory é importante incluir as extensões que deverão ser parte do inventário. Em geral escolhemos apeans o que for “*.exe”, mas é importante para um SAM alem de produtos Microsoft incluir o que for “*.com”. O motivo é que alguns softwares ainda se baseiam em aplicativos de comando e com os detalhes destes executáveis é possivel ir alem de aplicativos Windows.

capture20160509234404242

capture20160509234423548

Alem da inclusão das extensões para exatidão é importante incluir os detalhes (Inventory reporting detail: Full details) que irão permitir saber a data de instalação de um software e alguns outros dados. Por exemplo, softwares não MSI (Microsoft Installer) os detalhes precisam ser capturados diretamente no binário, uma vez que não gera dados no Adicionar e Remover Programas do Painel de Controle.

Agora vamos falar do inventário de Hardware, onde se encontra as principais configurações adicionais que envolvem o Adicionar e Remover Programas presente no Painel de Controle.

capture20160509234501269

No inventário de Hardware temos configurações que não são incluídas no padrão que podem ser acessadas pelo botão Set Classes… Para acessa-las filtre pela palavra ou categoria Software. É importante não deixar de notar que são informações tratadas pelo Asset Intelligence que iremos tratar em outro artigo.

A primeira categoria é a de Softwares instalados que retorna dados importantíssimos envolvendo o tipo de instalação, a data, localização e fonte. Essas informações podem ajudar a definir a data em que determinado produto precisa ser pago em caso de regularização que incluia cobrança reversa. Alem disso, softwares que executam em determinada origem podem ter algum tipo de licenciamento a parte, por exemplo software que são assinados e executados a partir de um servidor dedicado.

capture20160509234557335

O segundo grupo de configurações ajuda a identificar softwares de avaliação e principalmente OEM. Em muitos clientes encontramos máquinas compradas em OEM mas que utilizam imagens e com isso invalidam as chaves. Coletando esses dados é possível levantar mais claramente o que for OEM:

capture20160509234611366

O terceiro grupo de configurações serve para identificar softwares ativados com chave de volume, chamada de VL. Em geral usamos o servidor KMS (Key Management System) para ativar automaticamente Windows e Office de forma automática sem precisar de internet. Como softwares VL precisam de licenciamentos por contrato, é importante identificar esta informação.

capture20160509234625549

Relatórios Úteis com Base Apenas nos Inventários

Com base no inventário de arquivos .EXE e .COM é possivel usar uma série de relatórios listados na tela abaixo. Porem, sempre destaco o relatório de comparação de softwares entre computadores. Por exemplo, pode-se utilizar uma maquina de um usuário para comparar se ele está de acordo com maquinas de outras pessoas. Isso ajuda nos casos em que empresas permitem que usuários instalem softwares, mas ainda deseja controlar ou ter um modelo por departamento ou outra variação:

capture20160509235347137

Na lista abaixo vemos os relatórios que são gerados com base no inventário de Hardware. São relatórios simples como uma lista de softwares com detalhes como versão e instancias totalizadas. Em geral utilizamos esses relatórios para ter os detalhes de um determinado produto. Por exemplo, o produto de licenciamento não-servidor mais caro é o Visual Studio em qualquer uma de suas versões e saber onde ele está instalado é importantíssimo.

capture20160509235421635

Assinando Relatórios

Todos os relatórios podem ser assinados, o que permite recebe-los em sua caixa de email ou em uma pasta compartilhada em rede. Isso é interessante para acompanhar determinados softwares que precisam ser controlados, por exemplo Visio, Project e Visual Studio que tem custo elevado.

Neste artigo estamos falando de relatórios para SAM Microsoft, mas a assinatura de relatórios está disponível para todos eles e é um recurso que precisa ser usado para controle efetivo de licenças.

2870.CMConsoleSubscription_5770817A

Posted: mai 11 2016, 04:07 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Pingbacks and trackbacks (2)+

Os comentários estão fechados
Login