MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

System Center 2012 com Windows 2012 e SQL Server 2012

Passei esta semana fazendo testes do System Center 2012 com o Windows Server 2012.

Os testes com SQL Server 2012 já havia feito anteriormente, inclusive já implementado e documentado a falta do SRSS em http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-2012-com-SQL-Server-2012.aspx

 

Tabela Resumida de Incompatibilidades

Segue uma matriz de compatbilidade e problemas entre a suite System Center 2012 com o Windows 2012 e SQL Server 2012:

System Center 2012

Windows Server 2012

SQL Server 2012

ConfigMgr (SCCM)

Parcial (WSUS)

Parcial (Reporting Services)

OpsMgr (SCOM)

Parcial (Web Console)

Parcial (Reporting Services)

Orchestrator (SCO)

Ok

Ok

App Controller (SCA)

Não compatível

Ok

Service Manager (SCSM)

Parcial (Self Portal)

Parcial (Reporting Services)

Data Protection (DPM)

Ok

Ok

Virtual Machine Mgr (VMM)

Parcial (Self Portal)

Ok

É importante que estas incompatibilidades, principalmente no que ser refere aos problemas com o IIS e o WSUS do Windows 2012 serão resolvidos no Service Pack 1 do System Center 2012 (atualmente em Beta), como pode ser visto em http://blogs.technet.com/b/server-cloud/archive/2012/09/10/system-center-2012-sp1-beta-available-evaluate-with-windows-server-2012.aspx e http://technet.microsoft.com/en-us/library/gg682077.aspx#BKMK_SupConfigSiteSystemReq e http://technet.microsoft.com/en-us/library/gg682077.aspx#BKMK_SupConfigSQLSrvReq

 

Tabela Técnica de Incompatibilidades

Para quem quiser conhecer os detalhes técnicos das incompatibilidades, segue um resumo dos problemas que notei nas implementações:

Produtos Afetados

Feature Windows/SQL

Motivo

SCOM, SCSM, AppControler, VMM

Portal Web

IIS 8.5

O IIS 8.5 tem APIs diferentes para liberação das funções .NET Framework 4.5 e o System Center é construído sobre o .NET 4.0 o que gera incompatibilidades com WCF e ISAPI

Como estes produtos possuem portal web, não conseguem instalar no IIS

SCCM

Update Services (SUP)

WSUS

O WSUS atual (Windows 2008 R2) é versão 3.2 e a versão do WSUS no Windows 2012 é 6.2 e o instalador do SCCM não consegue detectar como válido

SCCM, SCOM, VMM

SQL Server Reporting Services (SRSS)

Os instaladores não detectam o SRSS do SQL Server 2012, é necessário instalar o SRSS do SQL Server 2008 R2 na mesma máquina para utilizar o SQL Server 2012

 

Conclusão

A conclusão que chego neste aspecto é que ainda não é hora de instalar o System Center 2012 em servidores Windows 2012 fora de laboratório, pois com o SP1 em Beta é bem possivel que futuras versão dele não sejam atualizáveis, o que implicará em reinstalar todo o ambiente. Já com respeito ao SQL Server 2012, não vejo problemas em instalar temporariamente apenas o SRSS do SQL Server 2008 R2, que depois pode ser desinstalado rapidamente e a alteração nos produtos é simples de ser realizada.

System Center Configuration Manager 2012 SP1 Beta Anunciado e Disponivel para Download

Hoje foi anunciado o Service Pack 1 do SCCM 2012, o que acrescenta importantes funcionalidades ao produto (inclui todos os outros produtos, detalhes no final do post).

Importante: Os arquivos disponibilizados não são apenas o Service Pack, contem o produto com o SP1!

Como já se tornou conhecido pelo público, hoje um Service Pack não é simplesmente um conjunto de updates e hotfix. O Cumulative Update se tornou a coleção de hotfix e o Service Pack alem de contem os fix dos CUs contem também novas funcionalidades. Isso ficou muito claro com o Windows 2008 R2 SP1 que trazia o Hyper-V 2.0

Algumas novas funcionalidades do SCCM 2012 SP1:

  • Deploy de SO automatizado para Windows 8 e Windows Server 2012
    Hoje é possivel fazer com o SCCM 2012 a distribuição destes novos SOs com o OSD, porem não há suporte as novas funcionalidades para serem configuradas, e estas serão acrescentadas no SP1
  • Pontos de distribuition (Distribution Points) utilizando o Azure
    Esta inclusão é muito interessante por permitir que empresas com conta no Azure tirem do tráfego downloads de software por parte de funcionários remotos
  • Automação de tarefas com o suporte acrescentado ao PowerShell
    Com a inclusão do PS em outros produtos se viu como uma linguagem de script fazia falta na automação de algumas tarefas por meio de scripts, e agora o SP1 permitirá isso com o SCCM 2012
  • Gerenciamento de clientes com Mac OS X e Linux/Unix
    Esta é uma funcionalidade muito aguardada, já que em maio de 2011 já se falava neste suporte. Agora, finalmente, temos esta possibilidade
  • Integração com Windows Intune
    Com o Service Pack 1 do SCCM 2012 e a nova versão do Intune será possivel integrar as duas plataformas (on-promisse e cloud) para gerenciar os usuários dentro e fora da empresa, mas utilizando um console unico pelo SCCM. Um ponto interessante é que a licença do Windows Intune para quem possui o SCCM 2012 será reduzido!

Qual a previsão de disponibilização da versão final destes produtos?    Inicio de 2013.

Caso deseje testar estas novas funcionalidades, é importante lembrar que produtos Beta não oferecem suporte pela Microsoft. O ideal é utilizá-los para testes e talvez gerenciar ambientes controlados.

Link para baixar o SCCM 2012 SP1 Beta: Microsoft Download Center

Release Notes: http://technet.microsoft.com/en-us/library/jj591611.aspx

Windows Intune, conta para 30 dias de testes: http://www.microsoft.com/en-us/windows/windowsintune/try-and-buy.aspx

 

Lista de alterações nos outros produtos da Suite System Center 2012:

  • Virtual Machine Manager
    • Improved Support for Network Virtualization
    • Extend the VMM console with Add-ins
    • Support for Windows Standards-Based Storage Management Service, thin provisioning of logical units and discovery of SAS storage
    • Ability to convert VHD to VHDX, use VHDX as base Operating System image

 

  • Data Protection Manager
    • Improved backup performance of Hyper-V over CSV 2.0
    • Protection for Hyper-V over remote SMB share
    • Protection for Windows Server 2012 de-duplicated volumes
    • Uninterrupted protection for VM live migration
  • App Controller
    • Service Provider Foundation API to create and operate Virtual Machines
    • Support for Azure VM; migrate VHDs from VMM to Windows Azure, manage from on-premise System Center
  • Operations Manager
    • Support for IIS 8
    • Monitoring of WCF, MVC and .NET NT services
    • Azure SDK support
  • Orchestrator
    • Support for Integration Packs, including 3rd party
    • Manage VMM self-service User Roles
    • Manage multiple VMM ‘stamps’ (scale units), aggregate results from multiple stamps
    • Integration with App Controller to consume Hosted clouds
  • Service Manager
    • Apply price sheets to VMM clouds
    • Create chargeback reports
    • Pivot by cost center, VMM clouds, Pricesheets
  • Server App-V
    • Support for applications that create scheduled tasks during packaging
    • Create virtual application packages from applications installed remotely on native server

 

Utilizando o Software Update Point no System Center Configuration Manager 2012

Uma das funcionalidades presente no SCCM 2007 que foi continuada e recebeu interessantes inovações é o Software Update Point, que tem a função de trazer para dentro do SCCM 2012 a capacidade de controlar, distribuir e gerar relatórios e dashboards.

Configuração Inicial

Para fazer a configuração do SUP (Software Update Point) no SCCM 2012 é necessário instalar a feature Windows System Update Services (WSUS) no Windows Server 2008 R2, o que pode ser realizado pelo Server Manager.

Nota: Não é possivel utilizar upstream server no servidor SCCM configurado como primary.

Depois disso o passo seguinte é no console do SCCM 2012 incluir a role SUP e configurar suas opções, como mostra a imagem abaixo onde podemos configurar os dados de proxy para acesso aos dados.

08-05-2012 11-15-06

Para configurar os produtos, tipos de update e criticidade é necessário acessar o menu pela Ribbon como mostra a imagem abaixo, e selecionar Software Update Point:

08-05-2012 11-17-55

A seguir será aberta a configuração do SUP onde selecionamos os produtos, classificações, regras de inclusão (supersedence) e idiomas:

08-05-2012 11-18-10

Aprovando e Distribuindo Updates

A partir da configuração já será possivel verificar os updates disponiveis na tela principal.

No dashboard do SUP será possivel ver todos os updates com estatisticas de aplicabilidade, bem como dados indicativos da instalação do update no parque inventariado.

08-05-2012 11-47-42

Clicando sobre os updates é possivel definir quais serão baixados (Download) ou fazer a distribuição (Deploy) diretamente ao Collections:

08-05-2012 11-49-21

Ao escolher a opção de deploy será possivel fazer um pacote, já que o processo de distribuição de updates do SUP é baseado na distribuição de software do SCCM, com a criação de um package e um advertisement, porem com um wizard mais simples que mostrarei no próximo tópico.

Automatizando os Updates

Uma diferença em relação ao WSUS é que o SUP não baixa sozinho a menos que se crie regras especificas, bem mais completas do que no WSUS que se baseia apenas no SO, produto e criticidade. No SCCM 2012 é possivel definir qualquer tipo de filtro para os updates, incluindo palavras especificas no texto da descrição.

O primeiro passo é criar um Automatic Deployment Rules que consiste em informar a coleção e a regra de distribuição:

08-05-2012 11-21-52

Na sequencia deverá ser indicado se deseja utilizar o WOL (Wake Up On Lan) para ligar as máquinas no horário pré-definido e o nivel de detalhes que o usuário verá de cada update, assim como aprovar automaticamente EULAs (contratos), que obviamente deve estar ligado, a menos que vc deseje que o usuário saiba o contrato de responsabilidade a ser utilizado:

08-05-2012 11-22-26

O próximo passo é o mais importante, pois envolve a criação dos filtros de semântica, onde podemos definir a criticidade, SO, idioma, data e até procura no texto descritivo do update para determinado produto, por exemplo, Excel:

08-05-2012 11-26-56

Na sequencia irá ser definido o fuso horário, se centralizado do servidor ou do fuso do cliente, quando será instalado e disponibilizado. No exemplo abaixo o update é disponibilizado assim que baixado no servidor e a instalação pode ser feita em até 7 dias, o que indica o tempo máximo que o usuário pode adiar antes que faça automaticamente a instalação:

08-05-2012 11-27-20

Como comentado no inicio, é utilizada a estrutura de pacotes na distribuição de updates, portanto o passo seguinte é indicar se será utilizado um pacote existente ou um novo. No caso de updates automáticos é bom utilizar um novo pacote para evitar confusões de conteudo. Note que na sequencia será definido o Distribution Point, localização dos downloads e idiomas desejados, levando em conta que idioma neste caso não é dos updates mas sim da interface:

08-05-2012 11-27-50

Com estes passos vimos como criar uma estrutura de updates dinâmica no SCCM 2012.

Posted: ago 24 2012, 14:02 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Novo curso no Microsoft MVA: System Center Configuration Manager 2012

Criado a algumas semanas por mim e o Josué Vidal (@josuevidall), este novo MVA (Microsoft Virtual Academy) aborda toda a infraestrutura e recursos que o SCCM 2012 possuem.

Vale a pena assistir em http://www.microsoftvirtualacademy.com/tracks/introducao-ao-system-center-configuration-manager-2012

image

Posted: ago 14 2012, 23:17 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Artigos no Wiki MIVP #14, #15 e #16–System Center Virtual Machine Manager 2012, Série Completa

Continuando a parceria com a agência de publicidade para a montagem de 20 artigos referentes a Private Cloud com System Center 2012, esta semana publicamos o artigo no portal MIVP do Wiki, desta vez focados no System Center Virtual Machine Manager 2012:

Em breve os próximos artigos que irão abordar o System Center Service Manager 2012 e Windows 2012:

  • System Center Service Manager 2012 - Instalação e Configuração
  • System Center Service Manager 2012 - Administração e Dia a Dia
  • Windows 2012 - Novidades do Hyper-V
  • Windows 2012 - Novidades do Cluster Service e NIC Team

Series anteriores:

Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'sccm v.next'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Familia System Center Crescendo... Novidades !!!

Os produtos da linha System Center estão mostrando as suas novas versões, antes chamadas de vNext e agora alguns como 2012 e outros com nomes oficiais. Diversas novidades vimos no MVP Summit em fevereiro, mas eram NDA até o lançamento das novas versões esta semana no MMC 2011.

O primeiro e o mais aguardado é o System Center Virtual Machine Manager 2012 (VMM 2012) BETA. Este produto reserva muitas alterações e implementações, principalmente levando em conta que sua ultima versão oficiai é VMM 2008 R2.

Uma das novas funções é o Fabric que permite criar ambientes com funções pré-programadas como por exemplo, Hyper-V, SQL, File Server, NAP e assim por diante. Imagine a situação de um datacenter onde eu ofereço ao cliente um pacote de funcionalidades do Windows Server. O Fabric permite que estas funcionalidades sejam mostradas como se fossem opções no momento da criação da VM sobre o template existe. Com isso eu uso o template do Windows Server 2008 R2 e seleciono os papéis que desejo e a VM é criada e por PowerShell o próprio VMM configura e habilita as features desejadas. Outra funcionalidade do Fabric é gerenciar os storages e produtos de terceiros.

Outra funcionalidade interessante é que o PRO Tips agora será integrado com as métricas do System Center Operations Manager (SCOM) e irá gerar os alertas de forma centralizada, permitindo muito mais interação entre o produto de monitoração e o VMM.

Este é um resumo dos itens que achei mais interessante, para ver mais detalhes e instalar o VMM 2012 veja este link:http://bit.ly/h0TGnT

O segundo produto mais aguardado da familia é o System Center Configuration Manager 2012 (SCCM) BETA 2. A interface foi finalmente remodelada deixando de lado os treeviews que vinham desde o SMS 2. Já discuti em outros posts as mudanças que este produto traz ainda com o nome de vNext.

Uma das mais interessantes funcionalidades que o SCCM 2012 tem é permitir que os agentes sejam configurados por coleção e não por site como acontece na versão atual (http://bit.ly/e5s4SE).

Para baixar o SCCM 2012 Beta 2 acesse o link http://bit.ly/f72TZw e aprenda desde já mais sobre este produto, que se aprimorou muito e deixou de lado o legado do SMS 2, como por exemplo, a versão 32 bits.

O terceiro produto que estava em beta e agora se tornou versão final é o Windows Intune, produto para gerenciamento de ambiente baseado em cloud. Muitas vezes simplificamos que o Intume é o SCCM cloud, porem ele tem uma visão diferente disso.

O Intune permite distribuição de software, inventário e outras opções que existem no SCCM, mas ele não tem contem algumas e acrescenta novas. Por exemplo, o Intune permite distribuir regras para as maquinas monitoras

Para utilizar o Intune por 30 dias ou licenciar para sua empresa acesse o link http://bit.ly/eR5uYb

O quarto produto lançado é o Windows Advisor BETA (PROJETO ATLANTA) que permite monitorar servidores Windows Server 2008 e SQL Server 2008 online. Não é o mesmo que o Intune já que este se destina a produtos especificos e servidores.

O interessante do Advisor (Atlanta) é que ele mescla funções do MBSA e BPA’s (Best Practices Analyser) com o monitoramento do SCOM. Ele não é um SCOM Cloud já que não tem tem todas as funcionalidades de customização, mas faz bem o trabalho.

Para o Advisor vou montar um laboratório e postarei detalhes em breve, mas o testdrive pode ser feito pelo link http://bit.ly/e2knwl

Por fim, o ultimo produto lançado da lista que eu achei importante é o Projeto CONCERO que ainda está em Beta fechado mas promete ser um ótimo produto.

O Concero resolve uma lacuna quando se inicia um processo de convivencia com cloud. Por exemplo, como gerenciar um grupo de servidores onde tres são on-premise e os outros dois estão no Windows Azure? Esta é a função do Concero, gerenciar ambientes mistos entre nuvem e on-premise de forma unificada.

Quando o produto se tornar aberto ao publico, com certeza postarei novidades. Dados sobre o produto podem ser visto em http://bit.ly/gl97BU

Alem destes ainda esperamos maiores detalhes do System Center Operations Manager 2012 (SCOM) e o System Center Data Protection Manager 2012 (DPM) todos nas suas versões vNext.

System Center Configuration Manager v.Next em Preview Aberto

Já a algum tempo que os participantes do programa System Center Influencers tinham a cópia para testes do SCCm v.Next e já havia publicado alguns artigos sobre as novidades desta nova versão.

Agora o v.Next está aberto ao público alem do grupo de influenciadores no link http://blogs.technet.com/b/systemcenter/archive/2010/09/17/announcing-the-configuration-manager-v-next-community-evaluation-program.aspx?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

Cadastre-se, respondendo a persquisa e poderá ter uma idéia de como é que será o novo SCCM. Se quiser desde já saber algumas das novidades, veja os 3 posts que já tenho e em breve publicarei as próximas 3 partes:

System Center Configuration Manager vNext - Parte I

System Center Configuration Manager vNext - Parte II

System Center Configuration Manager vNext - Parte III

Posted: set 17 2010, 18:55 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

System Center Configuration Manager 2012 - Parte III

Veja a parte I: http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext-Parte-I.aspx
Veja a parte II: http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext-Parte-II.aspx

Neste terceiro post das novidades do ConfigMgr vNext vou abordar as novas funcionalidades referentes ao grupo de operações “Monitoring”.

A imagem abaixo mostra como foi organizado esta árvore com os alertas de estados gerados pelas situações do servidor e pacotes, como já havia no SCCM 2007. Em Queries é possivel montar as consultas a dados que os administradores utilizam para procurar dados ou máquinas especificas, gerar listas ou base para coleções.

Reporting são as coleções de relatórios que no vNext ficam todos no SQL Server Reporting Services, diferente das versões anteriores que mantinham tanto relatórios no SQL RS quanto no formato proprietário. Essa mudança foi gradual, já que os novos relatórios no R3 precisavam ser instalados a parte e só funcionavam com o SQL RS (Instalando os relatórios da feature Power Management do SCCM R3).

Vamos a algumas novas telas que possuem funcionalidades bem interessantes. A primeira delas é a tela abaixo onde podemos ver a estrutura do Site. Notem que o dashboard mostra os servidores e ao parar o mouse sobre um deles é possivel ver a situação dele e ter acesso a configurações. Essa é uma funcionalidade bem interessante e prática para os administradores de multiplos sites com hierarquias complexas e diversos servidores.

Site

Site Status

Outra interessante funcionalidade é a monitoração do status dos clientes. Note que na primeira parte abaixo o dashboard mostra como está a “saúde” dos clientes, indicando em um gráfico e com dados quantas estações estão com problemas ou falhas. Também destaca-se no dashboard os links para “Client Status Settings” facilitando a configuração dos dashboards.

Note também a presença dos links que permitem detalhes de ocorrencias, como mostrado nas duas imagens abaixo.

Client Status-1

Client Status-2

Similarmente o dashboard de atividade dos clientes irá facilitar a visualização de clientes que demoram a se reportar e entram em estado de inatividade. Veja mais um vez que os dados são mostrados de forma simples de serem visualizados e com detalhamento por grupo de computadores.

E na segunda imagem com as trends é possivel ver em um elegante gráfico de barras quantos clientes se comunicaram em um prazo especifico, permitindo com isso verificar também como anda o tráfego de dados entre servidor e cliente.

Client Activity-1Client Activity-2

No próximo post irei detalhar as novidades de “Asset and Compliance”.

Posted: jul 16 2010, 11:02 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

System Center Configuration Manager 2012 - Parte II

Veja a parte I: http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext-Parte-I.aspx

Neste segundo post vou começar a descrever as mudanças que ocorreram na primeira tab do console administrativo, que se chama "Administration". Note que as configurações nos itens de configuração não sofreram mudanças significativas em relação ao SCCM 2007, pelo menos na parte de administração.

Basicamente este grupo de funções substitui a hierarquia do site do SCCM 2007 e mostra de forma muito organizada as diferentes configurações do ConfigMgr. As opções são separadas em:

  • Site Hierarchy - Configurações de Boundary do ambiente, Address e Senders
  • Site Operations - Configuração das features dos servidores, lista de servidores, dados de cada site
  • Client Agent Settings - Configurações default dos agentes (clique direito) e especificas por grupo (Ver parte I)
  • Alert Manager - Destaque para os alertas ativos do sistema de monitoração do Site System
  • Distributions Point - Gerencia os diferentes distribuidores
  • Distributions Pont Groups - Cria e gerenciar os grupos de distribuição
  • Migration - Concentra as opções que são relativas as versões anteriores (SMS 1 e 2)

 
Interface principal de Administração

Alguns destaques alem dos já mencionados na parte I é a facilidade de encontrar as configurações. Porem, alem disso a redistribuição ficou muito boa.

Um dos exemplos notáveis é na parte de configurações dos diferentes sites de sua hierarquia. No SCCM era necessário entrar em cada site para configurar e ver as o~pções de cada um, em uma interface que muitas vezes ficava confusa. Note na imagem acima que para ver as diferentes configurações de cada site existe um sistema com botões no rodapé que utiliza o quadro de detalhes no meio da página para mostrar as configurações. Basta clicar sobre o item desejado e configurar as opções relativas a ele.

Também ficou muito interessante a configuração dos componentes. Antes havia na árvore o item "Component Configuration" dentro de cada site para configurar os diversos componentes. Agora esta opções está embutida nas propriedades do site, como mostra a figura abaixo:


Nova interface de propriedades do Site com as configurações de Componentes

O mesmo se dá com a parte das configurações de segurança que agora ficaram muito mais simples na árvoce "Security" com interfaces muito similares as do SQL Server para dar premissões, não mais é necessário ficar selecionando as permissões em uma lista com opções individuais. Na nova interface as permissões são mostradas com o checkbox de seleção para as desejadas. O mesmo vale para os security scopes que também estão mais simples.

Mas um item que ficou excelente, bem como a interface de configuração dos sites, e merece destaque é a configuração de distribuidores e grupos. Como agora possuem uma árvore de menu própria se tornou mais simples listar os servidores e utilizando o Task Panel lateral incluir um servidor em um ou mais grupos simultaneamente.

Porem, uma interessante feature nos grupos de distribuição é a possibilidade de escolher os grupos por meio de uma coleção. Não será mais necessário incluir um servidor nos grupos, bastaria criar uma coleção e vincular ao grupo de distribuição e automaticamente ele fará parte do grupo !!!!


Nova interface para criação de Distribution Point Groups

Estas são as principais mudanças que encontrei na parte de "Administration" da nova interface. No próximo post irei abordar as mudanças na parte "Monitoring", depois "Assets and Compliance" e por último "Software Library", já que este demanda mais tempo para mapear as melhorias.

Veja a parte III: http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext-Parte-III.aspx

Posted: jun 22 2010, 21:55 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

System Center Configuration Manager 2012 - Parte I

A algumas semanas havia comentado a disponiblidade para usuários Beta da primeira versão disponibilizada para a comunidade técnica (http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext.aspx). Vou começar uma série de posts sobre a minha primeira impressão do ConfigMgr vNext.

1. Instalação

A instalação foi muito tranquila, unica restrição foi que não instalou no SQL Server 2008 R2. Antes instalar o SCCM precisei baixar o arquivo instalador full do .NET 4.0 já que no Windows 2008 a versão nativa é a 3.5. A ferramente PreReq funcionou muito bem (exceto pelo SQL R2) e forneceu os caminhos necessários para instalar os componentes faltantes, como já era no SCCM SP2.

Algo que me impressionou no processo foi a rapidez, na mesma maquina que instalei o vNext eu havia instalado anteriormente o SCCM SP2+R3 para o webcast e a instalação do vNext foi muito rápida e limpa.

2. Interface Visual

Finalmente temos uma interface sem o tradicional tree view com divisões que até os mais experientes reclamavam do chamado "caminho de rato" necessário para configurar uma determinada feature. A nova interface segue o modelo do Operations Manager (SCOM) e ficou muito organizada, alem de agrupar configurações em telas unicas, como por exemplo, as configurações dos agentes.

Seguem as telas iniciais e algumas das funcionalidades que achei bem interessantes:

 
Ferramenta de gerenciamento, com os paineis laterais com os agrupamentos e tarefas comuns e no meio o caminho para as tarefas em cada grupo

 


Nova interface para configuração dos agentes, agora simplificado em uma única tela

3. Configurações de Agentes customizadas

Essa é uma novidade que faz a diferença e já era esperada no R2 ou R3 e não havia sido ainda implementada.

Hoje quando se faz a configuração dos agentes não é possivel definir o grupo especifico e agora no vNext sim, ou seja, podemos ter agentes de inventário rodando semanalmente no departamento de marketing e mensalmente na produção.

Seguem abaixo as telas para definição de agentes customizados:


Criação de uma politica de agentes customizada

 
Para as politicas customizadas é possivel indicar para quais grupos ou coleções ela será aplicada

4. Instalação do Client

Assim como a rápida e limpa instalação do servidro, o mesmo aconteceu para o cliente que instalou na minha VM que é um Windows 2008 R2 Domain Controller. Falo isso porque até então instalar o cliente do SCCM em um DC rodando W2K8 R2 era uma tarefa complicada (http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Instalando-Client-do-Configuration-Manager-no-Windows-2008-R2-(Domain-Controller).aspx).

A performance dos inventários foi excelente, bem como a leitura das definições. Em menos de 5 minutos após instalado já estava com as features habilitadas e em 7 minutos completou os inventários.

Bastou ir até a pasta Client no share, que aliás manteve exatamente as mesmas estruturas do ConfigMgr 2007, e executar o CCMEXEC. Note que o cliente não mudou a aparencia, mas agora ele é totalmente compativel com Windows x64 e inclui as novas funcionalidades também presentes no R3 como Power Management. Apenas o nome dos agentes mudou para indicar que são da versão nova:


Interface do Client indicando que executa os agentes do vNext

Já está disponivel a parte II (Administração) em http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/System-Center-Configuration-Manager-vNext-Parte-II.aspx

Posted: jun 19 2010, 10:31 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login